conheça nossos

Conteúdos

Artigo: Comunicação inteligente para pessoas e negócios!

Jean
 
Notadamente a comunicação tem tido um papel de protagonista nas últimas décadas, seja pelo avanço das tecnologias digitais que promovem cada vez mais o quanto e como podemos nos comunicar na esfera organizacional ou pessoal, ou ainda pela vertente que defende a comunicação empática e de forma mais pessoal. Softwares, redes sociais, dispositivos, aplicativos, plataformas, cada vez temos mais formas de interação com o que existe no mundo a uma velocidade jamais vista. Tudo isso nos trouxe muitos efeitos positivos, encurtando caminhos e acelerando resultados, entretanto tivemos aumento no distanciamento das pessoas, empresas pecando no atendimento humanizado e reflexos negativos até mesmo nas relações sociais e familiares.

A comunicação assumiu desde sempre um papel importante na sociedade em todos os aspectos, mas sobretudo em funções como: Liderança, vendas/negociação e aquelas que demandam muito contato humano. Considerando liderança, grande parte dos autores e pensadores do tema, como o prof. Ram Charam, a colocam como pilar essencial, tendo em vista que o líder tem papel decisivo no convencimento/engajamento de sua equipe para leva-la ao objetivo da organização, líderes que não se comunicam bem não lideram bem. No que tange a área de vendas e negociação, a comunicação é o canal indutor do processo, sem comunicação eficiente não há negócios sustentáveis.

Podemos abordar o tema comunicação de diversas formas: Organizacional, mercadológica, institucional, burocrática ou pessoal. Neste artigo saliento o aspecto pessoal, aja vista que é o passo inicial e que impacta em todas as outras formas, assim dividimos em duas partes: verbal e não-verbal. Ademais, o que é importante compreender e aplicar com assertividade é a construção de argumentos, o posicionamento e a inteligência com que escolhemos nossas atitudes, palavras e a tonalidade da voz.

Boa parte das pessoas tem dificuldade em se comunicar, isto se reflete na vida pessoal, na carreira e nas organizações, pois, empresas se comunicam através de pessoas, da criatividade que elas empregam, na ausência de medo em expor ideias, na segurança da argumentação e na empatia verdadeira de ser inteligente ao ponto de se espelhar com o ouvinte e assim ser mais assertivo.

Comunicação inteligente caminha de mãos dadas com a empatia. Tudo começa por esse laço que deve ser estabelecido nos primeiros 2 segundos. Especialistas como Nicholas Boothman, escritor do livro: Como convencer alguém em 90 segundos, afirma que é no primeiro contato que tomamos a decisão de “fugir ou ficar”, ou seja: acreditar ou não. Sendo assim, empatia é a capacidade que uma pessoa tem de verdadeiramente se colocar no lugar do outro, quando conseguimos essa façanha podemos facilmente nos adaptar a ela em linguagem verbal e não-verbal, fazendo com que possamos ter uma atitude mais positiva, ser amigáveis, confiáveis e dessa forma mais convincentes.

É possível perceber que quando temos uma ligação com alguém, como por exemplo: mesmo time de futebol, gosto musical, mesma estatura, gosto por roupas, mesmo modelo de carro... entre outros, tudo isto causa uma aproximação e imediatamente nos sentimos “em casa”, desta forma podemos usar este conhecimento para de forma eficaz se espelhar com quem esteja negociando, liderando ou simplesmente conversando. A propósito, tudo isto deve ser feito também no modo digital, pelo telefone, por aplicativos de conversas ou por conferências online, pois, é absolutamente possível identificar e sentir se há conexão e empatia também por meios digitais.

Diante disto, a comunicação deve ganhar ainda mais espaço e protagonismo em nossas vidas e negócios. Estamos em meio a um caos jamais visto em nossa geração, vivemos um momento de pandemia causada por um vírus chamado de COVID – 19, ou apenas NOVO CORONAVIRUS, que simplesmente fez o mundo parar. A melhor saída inicialmente se mostrou o isolamento social para conter a disseminação e assim dar tempo para que autoridades de saúde pudessem se preparar com a ampliação dos sistemas de saúde. Bem, o que isto tem haver com comunicação? Tudo! Esse caos desafiou nosso modo de se comunicar.

As organizações tiveram que fechar, exceto as de necessidades básicas. Ao redor do mundo indústrias, comércios, igrejas, além de todo e qualquer evento que aglomerasse pessoas foram impactados, sendo assim, posso afirmar a você que o que se sobressai neste momento é a forma  de como nos comunicamos, mantendo nossos laços sociais e de negócios.

As empresas precisam se reinventar na forma de abordar o cliente. Os dispositivos tecnológicos de comunicação são forte aliados, entretanto é preciso lembrar que mesmo através deles temos a percepção e o sentimento de agilidade, empatia, personalização e segurança conforme já citei neste texto.

Neste momento de crise mundial que assola a saúde e impacta economia e demais setores da sociedade, a comunicação é forte aliada das pessoas, das empresas, das igrejas etc. Usar adequadamente os meios tecnológicos, ser empático, ágil, cordial e humano nunca foi tão importante como neste momento. O discurso escrito pelas empresas onde se tem os valores que as norteiam também são essenciais de serem vividos. O momento pede empatia, solidariedade, liderança, negociação e sobretudo comunicação inteligente para pessoas e negócios. 
 
Pense nisso!

Jean Matos
 
< Voltar
(45) 3054-7833   |   (45) 99919-8500   |   (45) 99101-5110
contato@jeanmatos.com.br